fazer um site gratis no aqui

Número total de visualizações de página

sábado, 9 de março de 2019

BOMBEIROS FREQUENTAM PRIMEIRO CURSO DE INGLÊS, REALIZADO PELA PROTEÇÃO CIVIL, PARA PRESTAR MELHOR APOIO A CIDADÃOS ESTRANGEIROS

O Secretário Regional da Saúde destacou hoje, em Angra do Heroísmo, a importância de os bombeiros dominarem a língua inglesa, porque são eles que prestam o primeiro auxílio e socorro aos cidadãos estrangeiros em situação de acidente ou emergência.

“A iniciativa da Proteção Civil de direcionar formação em inglês para bombeiros reveste-se da maior pertinência, numa altura em que as corporações têm constatado com maior frequência pedidos de socorro provenientes de turistas estrangeiros”, frisou Rui Luís, em declarações à margem do arranque do curso de inglês para bombeiros.

O curso destina-se a fornecer ferramentas que facilitem o socorro, incidindo sobre conteúdos da área de emergência médica e combate a incêndios, através do desenvolvimento e aquisição de vocabulário técnico específico.

Esta ação de formação pioneira na Região, decorre da necessidade identificada da prestação de socorro a cidadãos estrangeiros, decorrente do aumento do turismo e da procura do destino Açores.

“Metade dos turistas que nos visitam são estrangeiros”, frisou o Secretário Regional, realçando que, “em quatro anos, a Região teve um crescimento de hóspedes estrangeiros de 119%, em todos os tipos de alojamento, atingindo, em 2018, 437 mil hospedes estrangeiros”.

O titular da pasta da Proteção Civil lembrou que os turistas que procuram os Açores fazem-no, essencialmente, pela oferta de atividades, em terra e no mar, de grande contacto com a Natureza, como é o caso dos trilhos.

“O nosso empenho é o de assegurar que quem nos visita terá, a par da hospitalidade, segurança e prontidão de resposta perante qualquer adversidade ou acidente, e este curso é prova disso”, sublinhou.

Rui Luís salientou que esta não é uma medida isolada, destacando que há outras ferramentas, ao nível da segurança, a que os cidadãos estrangeiros podem recorrer, como a aplicação para telemóveis ‘Prociv Azores’, disponível em inglês desde 2017.

“Com mais esta formação, reforçamos os níveis de comunicação dos bombeiros nos casos em que tenham de lidar com turistas estrangeiros, de modo a permitir uma maior celeridade e eficácia na capacidade de resposta”, afirmou.

Esta ação, com a duração de 18 horas, destina-se a 16 elementos das corporações de bombeiros do Grupo Central e será replicada às corporações bombeiros de todas as ilhas dos Açores.

GaCS/MS

Povoação, sábado, 9 de março de 2019.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Seguidores

As mais vistas dos últimos 7 dias

Arquivo do blogue



 
Powered by Blogspot