fazer um site gratis no aqui

quinta-feira, 30 de março de 2017

TREMOR || OS ABALOS COMEÇAM JÁ NA PRÓXIMA SEMANA || 4-8 DE ABRIL


Falta, oficialmente, menos de uma semana para o TREMOR chegar a São Miguel e abalar as fundações da ilha com cultura em várias formas, de concertos a exposições, de conversas a residências artísticas, numa programação que abrange crianças e adultos dos 8 anos aos 80.

A sessão de abertura do TREMOR está apontada para dia 4 de Abril, a partir das 19h, com uma actuação da Escola de Música de Rabo de Peixe, no Armazém do Armador no Porto de Pescas da mesma localidade, e com a projecção do documentário da Red Bull Media House sobre o movimento hip hop açoriano “AZ-RAP: Filhos do Vento”, estendendo-se à noite para o Arquipélago Centro de Artes Contemporâneas na Ribeira Grande, onde irão actuar Volúpia das Cinzas, Gala Drop e Black (DJ set).

A programação de 4 a 7 de Abril ficará marcada pelo Tremor na Estufa (concertos surpresa em locais secretos), pelo Tremor Todo Terreno powered by Merrell(concertos depois de caminhadas na natureza micaelense), exposições e pelas conversas com a plataforma https://thecreativeindependent.com/, assim como concertos e DJ sets à noite no Auditório Luís de Camões, Canto do Aljube, Solar da Graça e Arco 8, em Ponta Delgada.

No sábado 8 de Abril, a começar o dia, haverá o MINI Tremor powered by Yoçor, programação indicada para crianças e os seus pais, que envolve animação circense por parte da companhia Fungis Magic Truxis, com balões, malabares e o espectáculo de clown “Notas com Massas”. Adultos e graúdos poderão, ainda, assistir a um concerto de Flamingods, um DJ set de La Flama Blanca e uma sessão de curtas propostas pelo Shortcutz Lisboa.

Dia 8 é o chamado dia D do TREMOR, com programação das 10h da manhã até à madrugada do domingo que se segue, com Bonga, Mão Morta e Beak> a encabeçar programação composta por artistas locais, nacionais e internacionais, distribuída por várias salas do centro histórico de Ponta Delgada — parte da cidade que será, ainda, transformada por intervenções dos artistas plásticos Fernando Almeida e João Paulo Lima.

TREMOR #4
Ponta Delgada || 4-8 de Abril
Co-produção: Yuzin Azores | António Pedro Lopes | Lovers & Lollypops

Lineup: Beak>, Mão Morta, Bonga, Jacco Gardner (live synth soundtrack), Circuit des Yeux, Drinks (Cate Le Bon + Tim Presley), Yves Tumor, K-X-P, Norberto Lobo, Stone Dead, Morbid Death, Flamingods, Gala Drop, Eartheater, Camera, Conjunto Corona, Coelho Radioactivo, Ghost Hunt, Vive Les Cônes, Filipe Furtado, Escola de Música de Rabo de Peixe, Volúpia das Cinzas, Krake + Gabriel Ferrandini + Ricardo Reis, Fred Cabral, Swift Triigga, Valério, PMDS, We Sea, Manu Louis, Mr. Gallini, The Quiet Bottom, Silicon Seeds, 3rd Method, DJ Fitz, La Flama Blanca, Violet x Photonz, Varela, Favela Riscos, Black, DJ Milhafre

Exibições, filmes e conversas: "Take it or Leave it" by Chili Com Carne & MMMNNNRRRG, “AZ-RAP Filhos do Vento" (Red Bull Media House), “Discos na Tela”, Em conversa com The Creative Independent (Eartheater, Circuit des Yeux, Sara Cruz, Vera Marmelo, Violet + Photonz)

“Isto é o mundo numa só ilha. Todos juntos em comunhão. O Tremor é isto. E é, de facto, maior do que a ilha” in Expresso

“Quando as pessoas se juntam de forma diferente entre pessoas muito diferentes é uma pequena revolução. O Tremor é uma renovação em curso em Ponta Delgada” in Público

"Um dos festivais mais únicos de todo o mundo" in The Line of Best Fit

"A experiência de ir ao Tremor revelou-se mais especial, principalmente por ser uma verdadeira experiência" in Stereogum





Povoação, quinta-feira, 30 de março de 2017.

Sem comentários:

Enviar um comentário



 
Powered by Blogspot