fazer um site gratis no aqui

quarta-feira, 15 de março de 2017

BREVE HISTÓRIA DA ÁGUARETORTENSE IRMÃ ARTEMÍSIA TEIXEIRA

IN MEMORIAM

IRMÃ ARTEMÍSIA RESENDES TEIXEIRA

Como noticiamos, a Irmã Artemísia faleceu no passado dia 2. Pertencia à Congregação das Irmãs Servas da Sagrada Família, fundada pela Madre Purificação dos Anjos Silva. O carisma e missão da Congregação das Irmãs Servas da Sagrada Família, baseia-se na Espiritualidade e Pastoral Familiar, “no serviço dos mais pobres assistidos num especial ambiente de família”, tendo como modelo a Família de Nazaré. O raio de sua ação alarga-se também a obras missionárias e outras atividades apostólicas.

A Irmã Artemísia Resendes Teixeira nasceu em Água Retorta, a 14 de Abril de 1945. Filha de José Raposo Teixeira e de Rosa Boa de Resendes. Pais humildes, mas com vivência cristã. O ambiente em que foi educada era próprio dos pobres, mas muito cristão. Ela escreveu que a descoberta da sua vocação surgiu com a graça da sua confissão geral, quando tinha vinte anos. Segundo o relato da Irmã Artemísia, a tranquilidade e a consolação interior que experimentou foi tão forte que para agradecer a Deus tão grande graça, devia entregar-se a Ele totalmente. Contou então este sentimento ao seu confessor e diretor espiritual ao que ele lhe respondeu: quem sabe se o Senhor te quer para a Vida Religiosa. Ela sentiu uma alegria tão grande que, a partir daí, a ideia nunca mais lhe saiu da mente. Ajudada pelo diretor espiritual o seu desejo de consagrar-se ao Senhor crescia de dia para dia.

Durante três anos sofreu muito, pois ninguém da família se conformava com esta separação. No entanto, o seu padrinho que foi o último a saber disse-lhe: se é essa a tua vocação, que o Senhor te ajude, e que sejas feliz. A mãe já tinha falecido e para o pai e os irmãos, sair deles para longe não era fácil. Chorou muito às escondidas e pedia ao Senhor que a ajudasse mesmo que tivesse de sofrer, porque a sua preocupação era realizar a vontade de Deus a seu respeito.

Entrou na Congregação das Irmãs Servas da Sagrada Família, em Benfica, a 18 de Julho de 1969, onde fez o postulado (preparação antes de entrar no Noviciado). No ano de 1970 entrou no Noviciado (preparação intensa antes da Profissão), em Anadia. Em 1972 fez a sua primeira Profissão Religiosa, e em 29 de Setembro de 1978 a Profissão Perpétua. Durante a sua vida como Irmã, passou pelas seguintes Comunidades: Casa da Divina Providência, Benfica; Centro de Bem Estar Infantil, Sangalhos;

Casa da Imaculada Conceição, Anadia; Lar de S. José, Lisboa; Externato de Nossa Senhora da Apresentação, Cacém/Sintra; Externato São Miguel Arcanjo, Olivais Norte/Lisboa e  os últimos 29 anos na Casa de Trabalho Jesus, Maria e José, Capelas/São Miguel/Açores (1988 a 2017). Desempenhou várias funções na Congregação. Trabalhou na secretaria, foi ecónoma, Vice Superiora, Superiora, e fazia muito apostolado, direta e indiretamente, em todas as paróquias, por onde passou. Foi ministro extraordinário da Comunhão, transmitiu a fé a crianças e adultos, através da catequese. Era uma Irmã que dava testemunho de bondade, caridade, generosidade e grande disponibilidade, manifestando sempre espírito de piedade e grande intimidade com Deus.

No dia dois de Março de dois mil e dezassete desprende-se deste mundo e deixou-se cair NOS BRAÇOS DO PAI!

(Agradecimento à Irmã Maria Luísa Pinto que forneceu estes dados ao Pároco de Água Retorta, Pe. Octávio Medeiros).

Povoação, quarta-feira, 15 de março de 2017.

Sem comentários:

Enviar um comentário



 
Powered by Blogspot