fazer um site gratis no aqui

terça-feira, 5 de julho de 2016

FALECEU O RIBEIRAQUENTENSE TOMÉ VIEIRA BENTO DO COUTO

"Infelizmente a vida é uma contagem regressiva de constantes partidas que torna cada dia um adeus".

Recebemos a triste notícia do falecimento do nosso irmão ribeiraquentense Tomé Vieira Bento do Couto. Faleceu ontem por volta das 20h30 na residência de sua filha Telma Costa, casada com Luís Costa, na Freguesia de Furnas, o qual estava a cargo da filha e contava 75 anos de idade.

Este nosso irmão era uma referência na comunidade piscatória da Freguesia da Ribeira Quente, pertenceu durante muitos anos ao Sindicato de Pescadores de São Miguel e Santa Maria liderado por Liberato Fernandes. Também durante muitos anos pertenceu à mordomia do Império da Santíssima Trindade da sua querida freguesia liderada por António Braga, onde tirava dias da sua vida particular para a apanha de marisco e peixe com a sua embarcação, exclusivamente para ofertar ao Divino Espírito Santo.

Todos nós temos um dia de partir rumo ao Senhor, mas as nossas ações enquanto cidadãos ficam e marcam a nossa comunidade, tal como o nosso irmão Tomé Couto que agora partiu e deixa saudades enquanto cidadão ativo na terra que o viu nascer e crescer.  

Um Olhar Povoacense endereça sentidas condolências à família enlutada!

De João Costa Brilhantina ao seu amigo Tomé Couto

"A vida tem vários mistérios, e o maior deles é a morte. Nunca poderemos entender o porquê de um ente amado ter que partir. A dor que sentimos é imensurável. Nestas horas não há nenhuma palavra que possa ser dita que seja capaz de confortar os nossos corações. Tudo parece perder o sentido e ficar pequeno diante de tamanho sofrimento.

A única coisa que nós, amigos e familiares, podemos fazer é nos colocarmos à disposição para ouvir no momento em que quiserem falar, e oferecer os nossos ombros e coração amigo para apoiar vocês.

Não há nada capaz de reparar uma perda como esta, mas em nome da amizade e amor de quem fica, e em honra da memória de quem se foi, é preciso continuar vivendo. É preciso transformar o luto em uma luta pela vida e pela felicidade, e transformar a dor em saudade e serenidade". Os meus mais sinceros pêsames à família e a todas aquelas pessoas amigas que privavam com ele o seu dia a dia!

Eterno descanso Senhor Tomé Couto.

Povoação, 5 de Julho de 2016

1 comentário:



 
Powered by Blogspot