fazer um site gratis no aqui

segunda-feira, 2 de novembro de 2015

O POVOACENSE PAULO CARDOSO FOI A VÍTIMA MORTAL DA COLISÃO ENTRE DOIS PESADOS NA ESTRADA REGIONAL DE FURNAS

Ocorreu um grave acidente esta manhã envolvendo dois pesados na estrada regional de Furnas zona Sul e, infelizmente, há uma vítima mortal a lamentar, o jovem povoacense Paulo Miguel Cabral Cardoso, contava 28 anos de idade e era natural das Bermudas (por nascimento), mas filho da Povoação Lomba do Alcaide, Freguesia de Nossa Senhora dos Remédios.

O trágico acidente aconteceu por volta das 07h10, provocando três feridos graves e seis feridos ligeiros. O condutor do camião saiu ileso do acidente, enquanto o condutor do autocarro ficou encarcerado vindo a falecer no local.


Os feridos ligeiros foram transportados para o Centro de Saúde de Vila Franca do Campo, enquanto os que inspiravam mais cuidado foram levados para o hospital do Divino Espírito Santo, em Ponta Delgada.  Os passageiros do autocarro são estudantes e pessoas que iam iniciar o seu normal dia de trabalho.
  
O alerta para o acidente foi dado às 7:16. O camião, com atrelado, saiu fora da via e embateu no autocarro. As autoridades acreditam que velocidade não esteve na origem do acidente, mas sim o piso molhado.  

Em declarações à Lusa, o comissário Costa, do Comando Regional dos Açores da PSP, referiu que “foi o atrelado quem embateu no autocarro”, mas a equipa policial vai agora investigar as causas que estiveram na origem do acidente. 

No terreno estiveram as corporações dos Bombeiros Voluntários de Vila Franca do Campo, Ribeira Grande e Ponta Delgada.

As causas do acidente estão a ser apuradas pelas entidades competentes.

Um Olhar povoacense chegou ao local do trágico acidente minutos depois do embate se ter dado, o cenário foi horrível, os gritos, a impotência em poder fazer algo para ajudar foi agonizante, chovia com intensidade, o cheiro a óleo e gasóleo era intenso, até que chegaram as primeiras Ambulâncias e rapidamente se iniciaram as manobras de socorro às vítimas.

Uma palavra de apreço aos nossos Bombeiros Voluntários que trabalharam de forma eficaz, bem como a todas as autoridades no local, PSP e equipas do (SIV) Suporte Imediato de Vida.

Um Olhar Povoacense endereça as mais profundas condolências à família enlutada!  

Sem comentários:

Enviar um comentário



 
Powered by Blogspot