fazer um site gratis no aqui

quinta-feira, 29 de outubro de 2015

PROGRAMA SAUDADES DOS AÇORES ENVOLVE 12 EMIGRANTES QUE NÃO VISITAM A REGIÃO HÁ MAIS DE DUAS DÉCADAS

O Governo dos Açores promove, de 31 de outubro a 6 de novembro, a 12.ª edição do programa “Saudades dos Açores”, iniciativa que possibilita o regresso à Região de emigrantes que, por motivos de natureza económica, não visitam o arquipélago há mais de 20 anos.
A edição deste ano conta com a participação de 12 emigrantes, com idades entre 61 e 81 anos, oriundos do Brasil, Canadá e EUA, a maioria dos quais não visita os Açores há mais de 25 anos.

Um dos participantes, residente no Brasil, não se desloca há 65 anos à Região, de onde emigrou quando era ainda criança e nunca mais voltou, tendo agora, com este programa, a possibilidade de reencontrar lugares e familiares, bem como contactar com a realidade atual do arquipélago.
Durante uma semana, os 12 emigrantes que participam nesta iniciativa vão visitar locais de interesse turístico e cultural em três ilhas dos Açores, nomeadamente o Vale das Furnas, o Parque Terra Nostra, as fábricas de chá e de queijadas e o Miradouro de Santa Iria, em São Miguel, o Centro de Interpretação do Vulcão dos Capelinhos, a Caldeira e o Miradouro de Nossa Senhora da Conceição, no Faial, e a Paisagem da Cultura da Vinha, classificada pela UNESCO como Património da Humanidade, o Santuário do Bom Jesus Milagroso, a Lagoa do Capitão e o Mistério das Bandeiras, no Pico.

Este programa, destinado a cidadãos naturais dos Açores com mais de 60 anos e que estejam radicados no Brasil, Canadá, EUA e Bermudas, resulta de uma parceria entre o Gabinete do Subsecretário Regional da Presidência para as Relações Externas, através da Direção Regional das Comunidades, e o Grupo SATA.
A iniciativa conta com a colaboração, através da seleção dos candidatos, de várias instituições que integram a Rede Internacional de Apoio Social, sediadas nos EUA, Canadá, Bermudas e Brasil.

O programa “Saudades dos Açores” insere-se na política de apoio e de cooperação implementada pelo Governo Regional, em parceria com instituições de natureza social da diáspora, que visa a integração e a promoção da qualidade de vida das comunidades açorianas emigradas.

Texto: GaCS/SsRPRE

Sem comentários:

Enviar um comentário



 
Powered by Blogspot