fazer um site gratis no aqui

quarta-feira, 26 de outubro de 2016

PRECE


Senhor – Pudera ser livre mas…
Puro como alva neve
No cimo da montanha
Mãos erguidas
Terna Prece
Odor de incenso
Lírio florindo
Alegrando a vida
Não ser lago cansado
De águas turvas estagnado
Quem fora
Fonte de vida
Água límpida
Cantando
Correndo ligeira
Na goteira Rio ou
Ribeira
A passar graciosa
No rendilhar da espuma
Entre os dedos da lavadeira
Ser livre como as aves
Para voar – voar
Sem temor na cúpula azul
Do céu
Ser brisa que passa
Entre flores e trigais
Que deixa perfume
No ar
Quem fora Arco-íris
Abraçando céu e terra
Onda do mar
Que no vai e vem
A praia beijar vem
Senhor pudera
Ter um grande coração
Para amar – amar
Somente Amar

Benjamim Carmo

Povoação, 26 de Outubro de 2016.

Sem comentários:

Enviar um comentário



 
Powered by Blogspot