fazer um site gratis no aqui

terça-feira, 5 de julho de 2016

BUSTO DE MARCELINO JOSÉ PACHECO NOS PAÇOS DO CONCELHO

Busto de Marcelino José Pacheco paladino máximo da independência da Povoação encontra-se hoje em lugar mais digno, nos Paços do Concelho. Até então estava o seu busto encostado a uma parede e escondido junto ao edifício onde fora ali o primeiro lugar dos Paços do Concelho.

No passado dia 3 de Julho na cerimónia solene Comemorativa dos 177 anos do concelho da Povoação foi descerrado na Câmara Municipal o busto de Marcelino José Pacheco (busto que sofreu uma intervenção de recuperação), o paladino máximo da independência da Povoação.

“Como nasceu e se realizou a homenagem a Marcelino José Pacheco, paladino da autonomia administrativa da Povoação, no ano do 175º aniversário do seu nascimento.

Estavam reunidos em conselho os mesários da Santa Casa da Misericórdia da Povoação para decidir sobre a forma como deveriam agradecer aos Srs. Viscondes do Botelho a oferta de um aparelho de raio X, que muito veio beneficiar os serviços clínicos daquela prestimosa instituição de caridade e assistência.

Todos eram de opinião que à sala onde se instalou a complicada maquinaria se desse o nome dos oferentes. Um dos mesários, porém, sugeriu depois o nome de Marcelino José Pacheco, o que “certamente não deixaria de ser do agrado do Sr. Visconde do Botelho, pois tratava-se – disse – de um seu trisavô, pessoa que tantos serviços prestou a esta terra e para quem temos uma grande dívida de gratidão”.

- Discordo – retorquiu o confrade Manuel Soares Brandão – que a uma instalação de instrumentos científicos do século XX de dê o nome de Marcelino José Pacheco, que viveu no século XIX e, embora tivesse sido um dos mais inteligentes povoacenses do seu tempo, não foi homem de ciência…

E acrescentou:

- Mantenho, pois que à sala de raio X de dê o nome dos Srs. Viscondes do Botelho e, a propósito, proponho que não se deixe passar mais tempo sem que se preste a homenagem que é devida a essa nobre figura que foi Marcelino José Pacheco.

Por: Francisco Botelho”

Vila da Povoação, 5 de Julho de 2016.



Sem comentários:

Enviar um comentário



 
Powered by Blogspot