fazer um site gratis no aqui

terça-feira, 28 de junho de 2016

6ª EDIÇÃO DO “VIOLAS DO ATLÂNTICO” DE 5 A 6 DE JULHO

A Associação de Juventude Viola da Terra promove pelo sexto ano consecutivo o evento “Violas do Atlântico”. Esta iniciativa visa a promoção e valorização da Viola de Arame Portuguesa, como a nossa Viola da Terra, levando-a junto das populações e promovendo a troca de conhecimentos entre músicos e público presente.

Desde 2011 que já passou por este evento a Viola de Arame (Madeira), a Viola Caipira (Brasil), a Viola Braguesa, a Viola Toeira e a Viola Campaniça, que se tem juntado à Viola da Terra para concertos, palestras e até aulas abertas.

Este ano teremos a junção da Viola da Terra da Ilha do Pico, conhecida pelo seu toque rasgado, com o músico Orlando Martins, que se juntará ao músico Rafael Carvalho da Ilha de São Miguel, onde a execução da Viola é ponteada com o polegar da mão direita.

Estes dois músicos terão menos de um dia para preparar em conjunto peças das duas ilhas e para conjugarem as técnicas de execução de cada Viola. Farão dois concertos: 5 de julho, pelas 21:00, no Porto de Pescas da Ribeira Quente, com uma participação especial de César Carvalho no Violão. E a 6 de Julho, pelas 21:00, na Praça da República no Nordeste, com uma participação especial de José Manuel Furtado e Rodrigo Furtado, pai e filho, dos poucos executantes de Viola daquele Concelho.

Este evento pretende dar a conhecer aos Açorianos a sua Viola, bem como a riqueza e diversidade de repertório, técnicas, e potencialidades da Viola da Terra. Ao mesmo tempo pretende-se valorizar os executantes da Viola e motivar para a aprendizagem e conhecimento do instrumento, motivo pelo qual o evento tem passado por todos os Concelhos da Ilha de São Miguel.

Ainda este semana, no próximo sábado, dia 2 de julho, pelas 22:00, há um Serão de Violas da Terra no “Tentorium” das Portas do Mar.

O “Violas do Atlântico VI” é uma organização da Associação de Juventude Viola da Terra, num dos inúmeros eventos da Temporada de Violas 2016, e tem o apoio do Governo dos Açores através do Turismo Açores e Direcção Regional da Juventude. Tem ainda o apoio da Fundação Inatel, contando com a coprodução da Câmara Municipal de Nordeste e Junta de Freguesia da Ribeira Quente.

Sem comentários:

Enviar um comentário



 
Powered by Blogspot