fazer um site gratis no aqui

sexta-feira, 20 de maio de 2016

QUARTEL DOS B.V. DA POVOAÇÃO ESTÁ EM AVANÇADO ESTADO DE CONCRETIZAÇÃO DISSE VASCO CORDEIRO

O Presidente do Governo dos Açores afirmou ontem que as cinco grandes intervenções em quartéis de bombeiros da Região pretendem dotar as corporações de melhores condições para desempenharem a importante função pública de garantir a segurança às populações.

“Este esforço de investimento que o Governo dos Açores está a fazer tem em conta a necessidade, numa Região com as caraterísticas da nossa, de podermos garantir as condições de conforto, de comodidade e de operacionalidade”, frisou Vasco Cordeiro.

O Presidente do Governo falava na cerimónia de assinatura do protocolo de financiamento com a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários das Lajes do Pico para a requalificação e ampliação do quartel, num investimento de cerca de 670 mil euros.

Nesta cerimónia, realizada no âmbito da visita estatutária à ilha do Pico, Vasco Cordeiro adiantou que, para além deste investimento nas Lajes do Pico, está já em curso a obra de requalificação do quartel de bombeiros de Vila do Porto, em Santa Maria.

“Além disso, nós temos uma intervenção prevista no quartel da Associação Humanitária de Santa Cruz das Flores, que tem já o protocolo de financiamento assinado, e que aguarda a qualquer momento o início das obras de requalificação”, disse o Presidente do Governo.

Relativamente a construções de raiz, apontou o caso do novo quartel dos bombeiros da Povoação, na ilha de São Miguel, cujo processo está em avançado estado de concretização, assim como do novo quartel para a corporação da Horta, na ilha do Faial, que já tem o terreno definido e que aguarda apenas a conformação do projeto para que possa ter início a obra.

Na ocasião, o Presidente do Governo deixou uma palavra de reconhecimento público pelo mérito do trabalho e da atividade que é desenvolvida pelos bombeiros da Região e que depende, em larga medida, “do esforço, da dedicação e do altruísmo daqueles que, todos os dias, acabam por servir a comunidade”.

“Este investimento apoiado pelo Governo dos Açores, aqui nas Lajes do Pico, acaba também por ser uma forma de, dando melhores condições para o cumprimento desta função, servir o interesse público do ponto de vista da segurança das populações”, frisou Vasco Cordeiro.

19 de Maio de 2016

GaCS/PC

Sem comentários:

Enviar um comentário



 
Powered by Blogspot