fazer um site gratis no aqui

domingo, 30 de agosto de 2015

A CRECHE DAS FURNAS FOI INAUGURADA HOJE

“É o conseguimento dum objetivo, ainda do tempo em que, como Assistente Social, elaborei informação técnica que concluía em 1986, pela necessidade deste equipamento social, nesta Freguesia. O tempo correu veloz entretanto e, sem mágoas, ainda bem que hoje ele existe”. Foi assim que o Presidente da Câmara da Povoação se referiu à nova Creche inaugurada hoje nas Furnas, financiada a 100% pela comunidade europeia e pelo Governo dos Açores, na parte relativa à comparticipação pública, no âmbito do Prorural.

A nova infraestrutura de 200 mil euros, 150 mil para construção e 50 mil para equipamento, foi entregue, através de protocolo, à Fundação Maria Isabel do Carmo Medeiros, “uma prestigiada instituição com conhecimentos adquiridos, tanto na gestão, como nas práticas pedagógicas adequadas a estas valências sociais” explicou Carlos Ávila.


A Creche das Furnas, que vai também admitir crianças da Ribeira Quente, está apta para servir as necessidades dos bebés dos 3 meses aos 36 meses de idade e é composta por 3 espaços distintos: o primeiro, um berçário com capacidade para 8 bebés, sala parque e copa de leites; o segundo, uma sala de aquisição de marcha até aos 24 meses, dormitório e sala de atividades com capacidade para 10 crianças; e o terceiro, uma sala de atividades/dormitório para crianças com idades compreendidas entre os 24 meses e os 36 meses, com capacidade para 15 crianças. “Concluímos que os espaços deste edifício estão apropriados às precisões atuais, sustentando todavia a sua ampliação, do ponto de vista da engenharia, caso assim se venha a entender no futuro”, acrescentou o autarca da Povoação.

O Presidente da Câmara elogiou ainda o trabalho dos técnicos envolvidos no processo, a cooperação entre poder local e regional e destacou igualmente o sentido de oportunidade aproveitado pela autarquia para realizar “mais projeto” que vai melhorar a qualidade de vida das jovens famílias que trabalham e dependem de locais como este para deixar os seus filhos a cargo. “Os investimentos nesta tipologia de equipamentos sociais são sempre da responsabilidade direta do nosso Governo, ou duma instituição de solidariedade social e financiado pelo Governo. Assim não foi aqui, porque percebendo que através do Prorural poderíamos captar 100% de apoio ao investimento, achei que seria justo que o município arrecadasse com esta responsabilidade, ainda mais quando sabia que outros equipamentos sociais de avultados valores estavam a ser realizados pelo Governo no Concelho. Um trabalho de parceria institucional, entre a Câmara e o Governo, com rentabilização de recursos de cada qual, donde resultam maiores benefícios para as pessoas que afinal todos servimos”.


Fonte/Fotos: Gabinete de Comunicação e Imagem da Câmara Municipal da Povoação


























































































Sem comentários:

Enviar um comentário



 
Powered by Blogspot