fazer um site gratis no aqui

quinta-feira, 18 de junho de 2015

VENTOS DE BOM QUADRANTE

PRODÍGIO DO CARAVELA D´OURO DA POVOAÇÃO CONTINUA A TOCAR E COMPOR MÚSICAS COM SUCESSO

O Jornal Correio dos Açores do passado Domingo, dia 14, na rubrica “Os Nossos Talentos”, da autoria do Dr. António Pedro Costa, foi ao encontro do nosso conterrâneo Paulo Jorge Correia Furtado, um jovem talento que cresceu mergulhado na música, aos sons do famoso grupo musical 4+1. Quando, em 1984 começou a cantar com o pai, tinha apenas 3 anos de idade. Em 1985, com 4 anos de idade, venceu o primeiro lugar da Caravela D’Ouro com a música “gosto de cantar”, sendo a letra feita pelo pai e a música de Laurindo Araújo, Em 1986 voltou a concorrer com a música “O meu gatinho farrusco”, tendo ganho novamente o primeiro lugar. Trata-se de um jovem compositor nato de letras e músicas que, embora preferindo tocar piano – os pais ofereceram-lhe um piano quando tinha 10 anos – toca também qualquer instrumento de cordas. A vida do Paulo Jorge não se resume à participação nas Galas de Cantores. Depois delas, continuou a cantar com o pai nas actuações dos 4+1. Aos doze anos, entrou para o grupo coral de Nossa Senhora Mãe de Deus, no qual permanece até hoje. Também integrou a Tuna Povoacense, sob a “batuta” do senhor Daniel Leite, até 2003, data em que foi extinta. Entrou para a Academia Musical da Povoação, na tentativa de acabar o curso de piano, mas ficou só com o 4º nível, entrando também para o curso de violino, no qual atingiu o nível 2. Foi convidado pelo maestro Chris Alexander para fazer parte da Orquestra Ligeira da Câmara Municipal da Povoação, na qual tocou guitarra, durante 2 anos. De seguida fui convidado para tocar piano na mesma orquestra, agora sob a batuta de Laurindo Araújo. Lá permanece até hoje, com a função de pianista. Actualmente também toca no Conjunto Oceanus. Tem outros projectos musicais, tais como um duo com o primo, ao qual intitulou de “the cousins duo”. Já fez cerca de 10 marchas de S. João, para as festas da Lomba do Loução e fez também uma marcha alusiva ao 50º aniversário da Fundação Maria Isabel do Carmo Medeiros. Toca no grupo infanto-juvenil de Nossa Senhora Mãe de Deus e no grupo coral de Nossa Senhora dos Remédios e de Nossa Senhora da Graça.

Podemos dizer que o Paulo Jorge Correia Furtado é “músico dos sete ofícios”. Sempre disponível para colaborar; amigo dos seus amigos; não se deixando devorar pela ganância, nem pelo poder. É um bom exemplo para os jovens de hoje.

Com ele, OS VENTOS TRAZEM CANÇÕES SEMEADAS!!!

Água Retorta, 17 de Junho de 2015
Pe. Octávio de Medeiros

Sem comentários:

Enviar um comentário



 
Powered by Blogspot